Uma corrida rústica para uma vida sem drogas

Durante alguns treinos realizados pelos membros do CERENE surgiu a ideia de realizar uma corrida rústica para interagir a sociedade com o trabalho terapêutico e social do CERENE.

A competição ganhou notoriedade durante os últimos seis anos, principalmente pelos patrocinadores engajados na causa contra as drogas e o alcoolismo, daí surgiu a caminhada e a corrida infantil inseridas no mesmo evento, ou seja, a Corrida do CERENE para uma vida sem drogas.

Após as primeiras competições, o CERENE criou uma equipe de atletismo composta de atletas em recuperação e alguns componentes como profissionais do esporte, empresários e colaboradores.

Durante todo a ano essa equipe participa de competições de alto nível, patrocinados por algumas empresas, pelo próprio CERENE e algumas doações para o pagamento de inscrições e demais despesas.

Ao longo desses anos, diante de um cenário de alto consumo de drogas e o álcool, a Corrida Para Uma Vida Sem Drogas tem a responsabilidade e a missão de prevenir o uso destas substâncias, desta forma a competição tem como finalidade anunciar desde a fase infantil os perigos ocasionados pelo consumo e abuso das drogas e do álcool.

De acordo com os benefícios da corrida, o esporte assume o papel de reconstruir as perdas e ainda permite o regaste da cidadania para que o dependente químico recuperado possa usufruir novamente a plenitude de seus direitos na sociedade.

Engajado nessa luta, o CERENE acredita que a atividade esportiva é uma ferramenta valiosa para a recuperação de seus dependentes, durante essa trajetória a corrida é uma das modalidades aplicadas no tratamento e reinserção social, quem sabe desse relevante trabalho possa surgir um grande atleta que represente o Brasil nas competições internacionais

Gilberto Barros Lima

Compartilhe:
Filiado a Cruz Azul

ONG Transparente